Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Porto de Mós: Deficientes motores sem acesso ao primeiro andar de tribunal


quinta, 20 outubro 2016
Os deficientes motores estão sem acesso directo ao primeiro andar do Tribunal de Porto de Mós devido a uma avaria na plataforma elevatória, que permite que as pessoas com mobilidade reduzida possam subir ao primeiro andar, onde funciona a secretaria. A denúncia partiu do representante do Sindicato dos Funcionários Judiciais, Augusto Neves, que relatou à agência Lusa que na terça-feira uma advogada só conseguiu chegar ao primeiro andar do Tribunal de Porto de Mós com a ajuda de várias pessoas que "pegaram nela e na cadeira, em braços", para subirem a escada da entrada principal.
Leia a notícia completa na edição em papel.

Diários Associados