Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Ano termina com 27 mortes nas estradas da região


Helena Amaro com Lusa (texto)/DR (foto) segunda, 17 janeiro 2022

Apesar de 2020 ter sido um ano atípico nas estradas portuguesas devido à pandemia de covi-19, os dados provisórios globais que constam do balanço do ano 2021 da sinistralidade e fiscalização rodoviária apontam para uma redução do número vítimas mortais nas estradas do distrito de Leiria.
Os 28.868 acidentes rodoviários registados no ano passado provocaram 389 mortos, 2.093 feridos graves e 33.812 feridos ligeiros, uma diminuição de todos os indicadores em relação a 2019, mas um aumento face a 2020, à excepção das vítimas mortais.
Estes dados provisórios globais constam do balanço do ano 2021 da sinistralidade e fiscalização rodoviária apresentados na passada sexta-feira pela Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), que fez uma comparação com 2019, tendo em conta que 2020 foi um “ano atípico” devido à pandemia de covid-19.

Leia a notícia completa na edição em papel.