Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Mosteiro de Alcobaça: Doces e licores conventuais regressam com possível toque gelado


Texto: S.P. / Foto: Luís Filipe Coito terça, 14 novembro 2017

Este ano a doçaria conventual de Alcobaça pode vir acompanhada pelo frio do Inverno com a possível colocação de uma pista de gelo sintético, "ambientalmente adequada", na cidade, a primeira de Alcobaça. 
Além do tradicional gostinho aos ovos, açúcar, canela e todos os outros ingredientes que fazem da doçaria conventual um atractivo alcobacense, este ano, a inauguração da 19.ª mostra internacional, agendada para o próximo dia 23, poderá ‘ser servida’ com uma pista de gelo que permanecerá na cidade até 26 de Dezembro. 
A novidade ainda não está totalmente confirmada, mas sur­ge como uma das maiores atracções do evento, em substituição do espectáculo de vídeo mapping que pautou as duas últimas edições. 
Mas a mostra internacional não vive só das actividades exteriores, o atractivo principal são, como não poderia deixar de ser, os doces e licores conventuais. E, por falar em doces, outra das grandes novidades da 19.ª mostra internacional é o lançamento de uma nova receita, a do pão-de-ló de Coz, uma iguaria um pouco ‘perdida’ até ao momento, mas que volta aos paladares com uma imagem renovada. 

Leia a notícia completa na edição em papel.